Criteo

O projeto corporativo tinha que priorizar uma organização espacial funcional para resolver as exigências de densidade do espaço de trabalho, através da flexibilidade dos ambientes operacionais, sem deixar de valorizar a marca de tecnologia global em cada detalha da proposta.

Cidade : São Paulo

Ano: 2014

Área: 420 m2

Equipe: Mariana Guedes, Enrico Benedetti, Lucia Imperial, Jean-François Imparato

Fotógrafo: Paulo Falcão

Foi implantado um espaço fluido composto por três volumes independentes com os cantos arredondados, que definem e estruturam os percursos internos com inserções coloridas inspiradas nos pontos-linhas da logomarca da Criteo. O projeto foi selecionado em 2014 entre os 3 melhores projetos corporativos no Prêmio “O Melhor da Arquitetura”.

Entrada e identidade corporativa

A empresa não tem espaço de recepção tradicional. A entrada se apresenta ao visitante como um espaço lúdico, definido por três volumes independentes, revestidos com uma telha ondulada pintada nas cores corporativas da Criteo, onde abrigam as salas de reuniões. Em destaque, um sofá de espera acoplado à estrutura reafirma a identidade corporativa, juntamente com os elementos que figuram os pisos acarpetados.

arealis-04-2014-foto-paulo-falcao-0065_1

Open space

As mesas de trabalho são situadas na periferia do espaço, sempre a beira das janelas, com o intuito de aproveitar melhor a iluminação natural.

Área de circulação

Três volumes independentes com os cantos arredondados definem e estruturam os percursos internos com inserções coloridas inspiradas nos pontos-linhas da logomarca da Criteo.

 Sala de reunião

3 volumes independentes revestidos com uma telha ondulada laranja abrigam as salas de reunião. Inspirado na música brasileira, um trabalho gráfico desenvolvido pelo designer Joaquim Jacques figura as películas nos vidros.